News

Uma aquisição difícil

Discussion in 'Portugal' started by AlfistaPortoghese, Mar 18, 2014.

  1. Paulo Ferrari

    Paulo Ferrari Formula Junior

    Mar 5, 2007
    392
    Portugal - Porto
    Nuno, depois de ler todo este seu percurso, achei impressionante a sua história e conquista por esta obra de arte de Maranello. Os votos de muitas alegrias e muitos bons caminhos ao volante dos seu Ferrari.

    Com os melhores cumprimentos
    Paulo Dias
     
  2. To remove this ad click here.

  3. AlfistaPortoghese

    AlfistaPortoghese Moderator
    Lifetime Rossa

    Mar 18, 2014
    3,777
    Europe, but not by much.
    Full Name:
    Nuno
    #77 AlfistaPortoghese, Apr 29, 2014
    Last edited: Apr 29, 2014
    Caro Paulo,

    Muitíssimo obrigado pelas suas amáveis palavras. A aquisição foi de facto um pouco mais sofrida que o "normal", mas chegou a bom porto que, no fim de contas, é o que importa. Mais uma vez saliento que se não fosse a ajuda que recebi de todo o fórum (com uma menção sempre especial para o Rui, Vitor, Tiago e Pedro), certamente o desfecho não teria sido este.

    Aproveito para informar o seguinte:

    - Após duas viagens a Setúbal e três semanas de atraso, já possuo o livrete da viatura devidamente corrigida e legal.

    - Possuo também já seguro contra todos os riscos, ao abrigo do extremamente vantajoso acordo entre o Clube Scuderia Rampante e a AON Portugal, contando com o extremo profissionalismo do Sr. Gonçalo Almeida.

    - Após alguma ginástica, consegui tirar a próxima Quinta-Feira exclusivamente para dar o meu primeiro passeio digno desse nome com o meu Mondial, na região de Cascais que muito aprecio. Seguir-se-ão fotos aqui no fórum, mal volte a casa.

    Mais uma vez muito obrigado e um abraço com estima e amizade.

    Nuno.
     
  4. AlfistaPortoghese

    AlfistaPortoghese Moderator
    Lifetime Rossa

    Mar 18, 2014
    3,777
    Europe, but not by much.
    Full Name:
    Nuno
    #78 AlfistaPortoghese, May 1, 2014
    Last edited: May 1, 2014
    Ora bem, como dizem os nossos amigos anglófonos, "pics or it didn't happen!"

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    Um abraço com amizade,

    Nuno.
     
  5. AlfistaPortoghese

    AlfistaPortoghese Moderator
    Lifetime Rossa

    Mar 18, 2014
    3,777
    Europe, but not by much.
    Full Name:
    Nuno
    Como nem tudo são rosas e este foi efectivamente o meu primeiro passeio de Ferrari "novo", eis algumas questões que verifiquei em andamento:

    [​IMG]

    (Luz de avaria no ABS e barulho grave facilmente audível nas curvas para a direita)

    [​IMG]

    (Manómetro da pressão do óleo excessivamente baixa quando o carro se encontra ao ralenti, apesar de não vir acompanhada de nenhuma luz avisadora).

    Continuo à luta com a caixa de velocidades. Além da 2ª custar a entrar a frio (desisti de tentar e passo directamente de 1ª para 3ª a frio), a 1ª nem sempre quer entrar. Passei um bom meio minuto a tentar engrená-la após efectuar o pagamento da portagem da A5, sem sucesso. Só entrou após força bruta, o que não me parece ser aconselhável repetir várias vezes, pois se me doeu até a mim, imagino os carretos. Irei tentar corrigir com o óleo Redline e falando com o Sr. cujo contacto o Pedro muito amavelmente me cedeu.

    Como de certo repararam, apesar de estar um dia lindo hoje pelas bandas de Cascais, a capota está para cima. Por um motivo simples: não consegui baixá-la correctamente nem colocar a capa protectora. Não por defeito do material (o antigo proprietário fez a operação à minha frente em segundos), mas por ignorância da minha parte. Nem com todos os cuidados e consultando alguns vídeos no Youtube, logrei baixá-la adequadamente. A inexperiência tem destas coisas!

    Estou um pouco na correria neste momento e mais tarde, se assim mo permitirem, postarei mais impressões do meu primeiro passeio de Mondial! Para já, não queria faltar com as prometidas e devidas fotos, que já pecavam por tardias.

    Um cordial abraço,

    Nuno.
     
  6. portogts

    portogts Formula 3
    Project Master Owner

    Aug 31, 2008
    2,333
    Maia-Portugal
    Full Name:
    Vitor Sousa
    Amigo Nuno,
    Obrigado pelas fotos!!!! :D :D :D :D

    Quanto ás suas questões , vá com calma e primeiro começar pelo mais simples :

    Dificuldade no manuseamento da caixa de velocidades :
    -Seria boa ideia mudar o óleo da caixa.
    -Poderá ser uma questão de afinação do tirante que tem entre a alavanca e a caixa.

    Luz do ABS:
    -Mudança de óleo dos travões
    -Poderá ser um sensor de uma das rodas

    Barulho para a direita:
    -Tente descrever um pouco mais o barulho

    Pressão de óleo baixa :
    -Válvula de pressão óleo poderá estar a funcionar mal.
    --Neste caso pode mudar o óleo e ver se há alteração de pressão.
    -Poderá pedir ao mecânico que ligue um manómetro directamente ao motor e fazer o teste.

    Já agora uma pergunta , a luz de "pressão de óleo baixa" acendeu alguma vez?

    Abraço
    Vitor
     
  7. To remove this ad click here.

  8. V 12

    V 12 Karting

    Aug 24, 2010
    103
    No meu caso, mesmo com o óleo da Red Line tinha alguma dificuldade em colocar a 2ª com o carro frio. Após a troca do rolamento/bomba da embraiagem da caixa por um da HE o problema deixou de se sentir, passando as velocidades a entrar de forma muito mais suave.

    Quero com isto apenas alertar para o facto de que o "problema" pode estar não na caixa, mas na embraiagem, ou numa das bombas hidraulicas, ou simplesmente na existência de alguma bolha de ar no circuito.

    Quanto tiver um problema idêntico tente "injectar" varias vezes o pedal da embraiagem, ou tentar engrenar outras velocidades mais altas (ex: 4ª ou 5ª) a ver se melhora.
     
  9. portogts

    portogts Formula 3
    Project Master Owner

    Aug 31, 2008
    2,333
    Maia-Portugal
    Full Name:
    Vitor Sousa
    Eu esqueci-me de referir que no caso do 328 e do mondial o accionamento da embraiagem é feito mecanicamente por tirantes e não hidraulicamente como nos testarossa , 456 .

    Por este motivo poderá também rever a afinação da embraiagem.

    O proprio rolamento de encosto , tal como referiu o amigo V12 , pode ser a causa .pois se o carro este muito tempo parado a embraiagem pode não estar a cumprir a sua função a 100%.
     
  10. AlfistaPortoghese

    AlfistaPortoghese Moderator
    Lifetime Rossa

    Mar 18, 2014
    3,777
    Europe, but not by much.
    Full Name:
    Nuno
    Amigo Vitor e V 12,

    Muito obrigado pelo vosso diagnóstico e ajuda que são preciosos e ainda mais preciosos se tornam para um membro como eu, cujo conhecimento mecânico roça o zero e todas as intervenções têm que ser deixadas a cabo de um mecânico.

    Agora com mais calma, gostaria de referir mais algumas coisas e explicar-me melhor:

    - Ao almoço ontem, quando voltei ao estacionamento, o meu Mondial estava muito bem acompanhado, alguns metros mais adiante, por um belíssimo 458 Italia rosso corsa (matrícula xx-NF-xx), não sei se eventualmente era algum membro do forum e/ou do clube.

    - Quando comprei e fui buscar o meu Mondial, ao ralenti, o manómetro da pressão do óleo estava sempre no meio das duas marcas e nunca tão baixo quanto agora indica (praticamente zero). Passou a indicar esse valor após algo que fiz, não sei se tem influência ou não: uma madrugada fui dar uma voltinha e puxei um pouco por ele (não tanto em termos de levá-lo ao redline, que não o fiz, mas em termos de velocidade, sempre respeitando a mecânica ao máximo, sem esticões nem conduzindo como se de um carro novo se tratasse mas, bolas, é um Ferrari!). Após uma certa velocidade, senti um cheiro metálico, semelhante a queimado e imediatamente abrandei, levando-o a um ritmo mais baixo e estável, cumprindo o limite de velocidade estipulado por lei. Após este episódio, quer tenha alguma espécie de relação ou não, verifiquei que o manómetro da pressão do óleo indica excessiva baixa pressão ao ralenti e também surgiu o barulho nas curvas para a direita, mal saí da autoestrada. Pode ser só coincidência. O cheiro durou apenas um par de minutos no máximo, e desapareceu por completo após eu ter abrandado o ritmo. Na garagem, não existe perda alguma de fluidos.

    - Não acendeu nenhuma luz avisadora de baixa pressão do óleo, nem nenhuma outra luz avisadora excepto o ABS.

    - O barulho que se verifica nas curvas para a direita é muito semelhante ao de um rolamento gripado. Não falo por amplo conhecimento mecânico, mas apenas porque em outro carro que tive há 4 anos, por duas vezes tive que trocar rolamentos e o barulho que agora verifico no Mondial é muito semelhante. A diferença é que no outro carro o barulho estava sempre presente, a qualquer velocidade e qualquer curva (até inclusive a direito nas rectas) e, neste caso, apenas o escuto (e não é pouco) nas curvas para a direita.

    - A luz de aviso de avaria no ABS acendeu antes do episódio que vos relato, e também antes do aparecimento do referido barulho.

    - O tacto da caixa, parece-me, tem vindo a piorar com o passar dos kilometros. Quando o fui buscar, a única questão era a entrada da 2ª a frio. Ontem, por duas vezes, a 1ª simplesmente recusou-se a entrar, fazendo eu o que fizesse. Fiquei especialmente preocupado à saída da portagem, porque estava a ver que não conseguia mesmo sair do sítio e arrancar em 2ª não era opção. A quente, a 2ª é a mudança que mais facilmente entra. O problema a quente transfere-se na passagem de 3ª para 4ª (equivalente a passar de 4ª para 5ª num carro contemporâneo), em que na maior parte das vezes oferece resistência enorme e, mais uma vez, ou se aplica alguma força (o que sempre me preocupa quando se fala de algo tão "delicado" quanto uma caixa de velocidades) ou então simplesmente a mudança não engrena.

    - Mais uma vez saliento a amabilidade do Pedro que me forneceu um contacto experiente e credível da sua confiança aqui na zona de Lisboa, que vou ver se consigo aproveitar o mais rapidamente possível. Ainda não o fiz porque, infelizmente, a nível profissional toda a gente (clientes) manda nos meus horários menos eu, pelo que fica complicado programar-me com alguma antecedência. Mas o quanto antes o Mondial vai receber uns mimos e fazer a IPO.

    - Em termos de performance está uma delícia, e o motor ganha outra vida a partir das 5000rpm. Não registo nenhuma vibração, som ou comportamento anómalo neste capítulo.

    Mais uma vez muito obrigado pelo vosso tempo, conhecimento e ajuda. Até conseguir marcar o mecânico, vou ter (ainda) muito mais cuidado com o meu Mondial.

    Um reconhecido e sincero abraço,

    Nuno.
     
  11. pedro233

    pedro233 Formula Junior

    Boa tarde Nuno,

    Não querendo por em causa o bom estado geral da sua maquina, e apenas por uma questão de prevenção pura e dura, evite andar mais com o carro até o entregar definitivamente à pessoa que lhe falei.
    Tenho alguma experiência nestas "coisinhas" que estes carros vão acusando aqui e ali, e olhe que muitas vezes o sintoma simples torna-se caro muito rapidamente.
    Acho que mais vale encostar até o entregar ao mecânico. Há-de haver muito tempo pa disfrutar dele, após sair 5estrelas de lá :) será o melhor mondial de Portugal :))

    Abraço
     
  12. To remove this ad click here.

  13. RGigante

    RGigante F1 Rookie
    Project Master Owner

    Nov 1, 2006
    2,874
    Portugal
    Caro Nuno,

    Comentarei abaixo sobre alguns comentários já aqui feitos. Como a sua mecânica é igual à minha, estou mais à vontade :)

    Sem dúvida! Eu faria as duas coisas.


    Em relação ao ABS, existe um procedimento simples de verificação de códigos de erro do ABS que não necessita de ligação "à máquina". Não sei perfeitamente de cor, mas posso ver isso ao chegar a casa, mais logo à noite. Se não se importar, posso telefonar-lhe assim que estiver junto dessa informação.
    Notou alguma coisa no pedal do travão?


    Quando frio, qual é a pressão indicada?
    No limite, pode ter um óleo um pouco mais fino, que quando quente resulta em pressões mais baixas.

    Sim, importante saber isso.

    Quanto ao barulho na roda:
    - consegue identificar se é na frente ou na traseira?
    - se for na traseira, será mais óbvio quando faz uma curva mais apertada, mas devagar, como por exemplo numa rotunda pequena?

    Como as coisas mais simples são as primeiras a ser verificadas, dê uma boa vista de olhos aos veios de transmissão e aos seus parafusos de fixação das juntas homocinéticas, junto do diferencial e junto das rodas. Não seria a primeira vez que via parafusos partidos a roçar quando se vira para um dos lados.

    De qualquer forma também sou de opinião que deve evitar usar o carro, para além do necessário para diagnosticar os problemas.

    Vá dando notícias e ajudaremos o mais possível!
     
  14. AlfistaPortoghese

    AlfistaPortoghese Moderator
    Lifetime Rossa

    Mar 18, 2014
    3,777
    Europe, but not by much.
    Full Name:
    Nuno
    Caros Pedro e Rui,

    As minhas sinceras desculpas pela demora na resposta à vossa ajuda.

    Irei seguir a recomendação do Pedro, porque de facto também sou da opinião que um problema, após detecção, se não é corrigido o quanto antes, só tende a agravar-se. Não há razão nenhuma para correr esse risco, pelo que espero na semana que vem já marcar a manutenção ao Mondial e levá-lo apenas de casa, até à oficina e ponto final.

    Em relação aos comentários que o Rui amavelmente colocou na sua comunicação anterior:

    Não senti alteração alguma em relação ao tacto do pedal do travão. Parece-me travar exactamente da mesma forma que antes do aparecimento do problema, tanto em distância de paragem, quanto em termos do "feeling" do pedal. Espero que a mudança do óleo da caixa de velocidades e dos travões ajude de facto a que a operação dos mesmos se revele mais dócil.

    Muitíssimo obrigado pela sua disponibilidade Rui, pode e deve ligar-me para o meu número pessoal sempre que entender, seja porque motivo for. Por favor, disponha. Não presumo incomodá-lo com estas questões, até porque imagino perfeitamente bem que o Rui esteja francamente ocupado. Agradeço toda e qualquer ajuda porque a minha ignorância é vasta, mas por favor não deixe que eu e/ou o meu Mondial o empatemos no dia-a-dia seja de que forma for. Toda e qualquer informação será muitíssimo agradecida e valorizada.

    Em relação à pressão do óleo do motor a frio, é praticamente similar à que está indicada na foto. Antes de se ter sucedido o episódio que anteriormente relatei, notava-a mais alta, quer a frio quer a quente (sempre dentro do intervalo gráfico imediatamente antes e depois do 6), facto que agora infelizmente não se verifica.

    Sinceramente não posso dizer com exactidão, mas parece-me que o ruído é proveniente de uma das rodas da frente, e a velocidades intermédias, isto é: em velocidade reduzida (por exemplo, <40km/h) o barulho existe mas em menor intensidade. Em curvas de Autoestrada, também se identifica, mas sem ser realmente incomodativo. Em velocidades entre os 40km/h e os 80km/h por exemplo, é enorme e surpreende mesmo o mais desatento dos ocupantes.

    Quando o Rui me falou, e muito bem, em juntas homocinéticas, até gelei. Espero que o problema não passe por aí...

    Na semana que vem (de 12 a 16), já deverei conseguir entregá-lo ao especialista Ferrari, cujo contacto e ajuda mais uma vez muito agradeço ao Pedro. Após marcação, irei informar o dia e, caso algum de vós por acaso se encontre disponível na zona da Grande Lisboa, teria muito gosto em tomar um cafézinho pelas bandas do Barreiro.

    Um forte abraço e muito obrigado uma vez mais,

    Nuno.
     
  15. RGigante

    RGigante F1 Rookie
    Project Master Owner

    Nov 1, 2006
    2,874
    Portugal
    Caro Nuno,

    vou resumir a minha resposta:

    - se o problema for dos rolamentos da frente, fale comigo antes de comprar material. O preço na marca é obsceno e em geral são muito caros. Conheço alternativas.

    - para as juntas homocinéticas também existe alternativa a preços razoáveis. São comuns a vários carros

    - os rolamentos das rodas de trás obtêm-se na SKF a preços normais

    - a minha pergunta quanto ao barulho a curvar está relacionada com o diferencial, e é proveniente das anilhas do autoblocante. Todos fazem um pouco quando curvam devagar com a direcção bastante virada, mas o óleo da caixa/diferencial faz toda a diferença. A mudança para RedLine com mistura 50/50 de 75w90 e 75w90NS deve resolver isso, além de melhorar imenso a selecção de 2ª a frio. Isto, claro, depois de ter a certeza que o comando da caixa está devidamente alinhado.

    Vá dando notícias!
     
  16. pedro233

    pedro233 Formula Junior

    Força Nuno!

    Mais um Ferrari a ser tratado e levado ao estado que merece, e que assim o seja por muitos anos que é bom sinal!

    Tudo de bom para o futuro Nuno, estamos todos a torcer por si, mas conhecendo já à anos a pessoa que vai intervencionar o seu carro por tudo aquilo que fez nos meus carros, sei bem qual vai ser o resultado final ;)
    Não existe ninguém aquele nível em PT, verdade nua e crua.

    Quando o carro sair de lá já sabe que faz o desvio na primeira saída à sua direita a seguir à ponte VDG, numa tableta que diz "Parque das Nações"...que é para eu ver a máquina ;)
    lol :)

    Abraço
     
  17. AlfistaPortoghese

    AlfistaPortoghese Moderator
    Lifetime Rossa

    Mar 18, 2014
    3,777
    Europe, but not by much.
    Full Name:
    Nuno
    Amigo Rui,

    Uma vez mais muito obrigado pelo seu cuidado. Já agendei a tão desejada manutenção para o meu Mondial para a próxima Quarta-Feira, pelo que em breve já terei notícias e novidades técnicas para partilhar (boas, espero!).

    Amigo Pedro,

    Muito obrigado pelo apoio, pela força e pelas palavras que muito me tranquilizam. Já não vejo a hora de voltar à estrada sem preocupações mecânicas de maior!

    PM enviada.

    Um grande abraço reconhecido a ambos,

    Nuno.
     
  18. AlfistaPortoghese

    AlfistaPortoghese Moderator
    Lifetime Rossa

    Mar 18, 2014
    3,777
    Europe, but not by much.
    Full Name:
    Nuno
    Já agora, uma questão que me ocorreu e que está desligada do que referi nos posts anteriores. Dirijo a questão primariamente ao meu caro Rui, porque o seu belíssimo 328 GTS é "primo" do meu Mondial:

    De acordo com as recomendações de todas as pessoas com as quais falei a respeito do combustível a utilizar no Mondial (aqui no fórum, com o mecânico que foi comigo realizar a PPI e com o anterior proprietário), usei gasolina 95 aditivada nos meus abastecimentos (Galp Sem Chumbo 95 GForce). Sou cliente fiel e regular da Galp, não por qualquer questão técnica porque não sou versado minimamente nesse tema, mas porque o cartão de fidelização acumula milhas para o Programa Victoria da TAP e isso sim dá-me muito jeito.

    No entanto, ao ler o manual do Mondial, no que toca ao combustível, pode ler-se:

    "Serbatoio carburante: 80 litri (Riserva: 18 litri). Supercarburante 98/100 N.O."

    Li também algures que a taxa de compressão que "obriga" ao uso da 98 é de 10:1. A taxa de compressão do meu Mondial é 9,8:1 ou seja, na fronteira.

    Tentei educar-me junto de outros fóruns dedicados a clássicos antes de vir incomodar os presentes, e há respostas para todos os gostos:

    - Quem coloque 95 "simples", sem registar ocorrências de maior (sendo alertados por outros membros que podem vir a experimentar um desgaste maior e precoce no interior do motor, visto os combustíveis actuais serem tão detergentes e "limpos" que precisamente obrigam a um bater mais em seco, ao contrário da antiga Super com chumbo, para a qual estes motores estavam optimizados, além de que a ausência de aditivos poderá também não ajudar à saúde de longo prazo do motor).

    - Quem coloque 98 ou 100, uma vez que considera este combustível o mais "próximo" possível da antiga Super com chumbo (sendo por sua vez alertados pelos utilizadores da 95 que, ainda para mais em tempos de crise, poucos são os que abastecem as suas viaturas com 98, o que leva a que esta esteja meses a fio nos reservatórios dos postos de combustível, podendo eventualmente perder algumas das suas virtuosas propriedades químicas e acumulando impurezas nocivas para os sistemas de injecção electrónica)

    - Quem não abdique dos aditivos aftermarket, independentemente da octanagem abastecida (sendo desta feita alertados para o efeito placebo e para o risco que eventualmente estes produtos acarretam, visto precisamente serem genéricos e aftermarket).

    Pessoalmente, após abastecer com 95 aditivada, o que registei é que o Mondial não fica muito contente para pegar, quer a frio quer a quente (assumindo que poderá ter algo que ver com o combustível usado, o que não é um dado adquirido). Mas dada a fama dos 3.2 serem caprichosos a pegar com o motor à temperatura de serviço, nem liguei à questão do combustível.

    Assim sendo, gostaria de inquirir que tipo de combustível usam nos vossos Ferrari. A informação na internet é parca e frequentemente contraditória sendo que, por muito valiosa que seja, nada substitui a experiência "na pele" por parte dos proprietários. Além do mais, a informação que recolhi prende-se com viaturas com características muito diferentes dos nossos Ferrari, já que muitos clássicos são Citroën, Mini ou Opel, apenas para citar alguns dos casos mais frequentes, de cilindrada, potência e capacidade muito diferentes.

    Agora que li a recomendação do manual do proprietário, fiquei mais preocupado. Será que a recomendação de 98/100 do manual é independentemente de ser combustível com chumbo ou sem chumbo?

    Mais uma vez obrigado pelo vosso tempo, atenção e paciência.

    Um ignorante abraço,

    Nuno.
     
  19. RGigante

    RGigante F1 Rookie
    Project Master Owner

    Nov 1, 2006
    2,874
    Portugal
    #91 RGigante, May 12, 2014
    Last edited: May 12, 2014
    Nuno,

    Sigo a recomendação Ferrari que consta do manual do meu carro: 98 apenas.
    Segundo a própria Ferrari, estes motores estão já equipados com as sedes e guias de válvulas preparadas para gasolina sem chumbo.

    O meu carro percorreu até agora (nas minhas mãos) cerca de 18.000Km sem qualquer problema. Sei que o anterior proprietário também só usava 98. Se existisse um desgaste prematuro das sedes e válvulas, isso iria reflectir-se nas folgas das válvulas, que dado o "afundamento" da válvula na sede provocaria uma diminuição da folga entre válvula e a árvore de cames. Como isso não aconteceu, parece confirmar as indicações!
     
  20. V 12

    V 12 Karting

    Aug 24, 2010
    103
    Por aqui SC98 apenas.
    V-Power, Ultimate, G-Force ou similares.

    As temperaturas geradas por estes motores são elevadas e prefiro não arriscar a possibilidade de se darem detonações não controladas.
     
  21. AlfistaPortoghese

    AlfistaPortoghese Moderator
    Lifetime Rossa

    Mar 18, 2014
    3,777
    Europe, but not by much.
    Full Name:
    Nuno
    Muito obrigado pela V. ajuda e partilha! Em breve precisarei de combustível e será 98 daqui para a frente.

    Aproveito para informar que finalmente hoje pela manhã já entreguei o Mondial a um especialista, para que seja levada a cabo a tão desejada manutenção que ambicionava, para poder aferir melhor o estado em que ele se encontra. Para já, as perspectivas são animadoras: falando no geral, o Mondial está bem e recomenda-se, deixando antever uma manutenção correcta e atempada do mesmo no passado, em conformidade com as facturas que me foram facultadas. Esta intervenção será, pois, ao que tudo indica, de carácter meramente preventivo.

    Já se conseguiram identificar a maior parte das causas para os problemas que eu havia mencionado aqui no fórum. Uma vez mais quero deixar patente o meu reconhecido agradecimento, não só pelo apoio mas também e sobretudo pela qualidade desse mesmo apoio: à primeira vista, tanto o Rui quanto o Vitor acertaram "na mouche" quando gentilmente avançaram as suas sugestões. Ao longo da próxima semana terei já novidades a respeito daquilo que, para já, não foi possível aferir a olho nú. Logo que surjam, partilharei no forum pois, quem sabe, possam ser úteis de futuro a outros membros.

    Sinto que parece que falta um pedaço de mim ao ir à garagem e ela estar vazia, mas sei que o Mondial está a receber os mimos que merece. Não poderia estar em melhores mãos e tenho ao Pedro a agradecer por isso.

    Um grande abraço a todos e muito obrigado,

    Nuno.
     
  22. portogts

    portogts Formula 3
    Project Master Owner

    Aug 31, 2008
    2,333
    Maia-Portugal
    Full Name:
    Vitor Sousa
    :D

    Amigo Nuno , estamos aqui para ajudar no que for preciso.

    Tenho a certeza de que o carro está em boas mãos e que quando sair da oficina estará pronto para muitos e bons quilómetros :D ;)

    Abraço
    Vitor
     
  23. RGigante

    RGigante F1 Rookie
    Project Master Owner

    Nov 1, 2006
    2,874
    Portugal
    Nem mais!!! :)
     
  24. AlfistaPortoghese

    AlfistaPortoghese Moderator
    Lifetime Rossa

    Mar 18, 2014
    3,777
    Europe, but not by much.
    Full Name:
    Nuno
    Aproveito para fazer um breve update:

    - O óleo da caixa foi substituído. As minhas dificuldades com a caixa deviam-se a vários factores, nomeadamente o nível do óleo a menos da metade do recomendado e carregado de impurezas como eu nunca vi em óleo algum. Já está atestada com Redline e o comportamento do carro e da caixa parecem radicalmente diferentes ("agora sim!").

    - O funcionamento do motor, especialmente ao ralenti, parece agora muito mais refinado, acertado e silencioso após a magia feita pela pessoa impecável a quem deixei o Mondial.

    - Foram afinados os tirantes e o selector, que alguém no passado instalou incorrectamente.

    - Estão encomendados 4 pneus novos, visto os actuais apresentarem estrias (mais uma vez obrigado ao Pedro, que foi o primeiro a detectar este grande problema).

    Falta neste momento terminar a revisão, levá-lo à inspecção, aferir o que se passa com o ABS (o barulho desapareceu, bem como os sintomas mecânicos mas a luz mantem-se acesa - deverá ser apenas uma birra electrónica), verificar como está a embraiagem (um pouquinho presa e pegajosa em determinados episódios muito pontuais) e ver o que se passa com a lona que cobre a capota porque, em suma, não a está a cobrir (parece que o tecido encolheu e "falta espaço" para chegar a todos os pontos de engate). Cada vez mais me convenço que os inconvenientes de um hardtop são bem menos chatos que os de um soft top.

    Sempre que forem surgindo novidades, colocarei atempadamente. A demora faz-me ter saudades do Mondial mas como cada vez que o visito, ele está cada vez melhor, esperar assim não custa!

    Um grande abraço,

    Nuno.
     
  25. RGigante

    RGigante F1 Rookie
    Project Master Owner

    Nov 1, 2006
    2,874
    Portugal
    Nuno, o que quer dizer com impurezas? Óleo sujo, já tipo "pasta", ou continha pequenos fragmentos de metal? Seja como for, e sem quer ensinar ninguém, eu lavaria bem a caixa antes de meter óleo novo.
    Se a caixa tivesse óleo a mais, diria para ter atenção ao vedante do comando da caixa, que poderia estar a deixar passar óleo do motor para a caixa.

    Óptimo! :)

    Muito bem! A caixa devidamente afinada é uma maravilha :)


    Nunca esquecer que os pneus são o que nos segura à estrada .... se isso é importante em todos os carros, nestes então é essencial!

    Nuno, o ABS tem um procedimento simples que dá códigos de erro. Será conveniente ver qual é o erro. E "já agora", substituir o líquido dos travões. :)

    Nuno, era bonito se ficasse pronto a tempo de Reguengos :)
     
  26. pedro233

    pedro233 Formula Junior

    Forza Nuno, a quem merece ajuda-se sempre!

    Já agora, partilho consigo um truque que costumo fazer quando lá vou buscar os carros à oficina, no percurso entre o Barreiro e Lisboa, para evitar o azeite que escorre dos Ibizas, etc.

    Como é uma zona industrial, existem sempre muitos camiões TIR a circular nas vias rápidas, o que costumo fazer é ultrapasso um, e de seguida deixo-o vir atrás de mim mantendo a distância de segurança, e vou controlando a minha aceleração com a que o camião faz.

    Desta forma, o TIR como é mais largo e vem à nossa rectaguarda, serve de refúgio para os picões e aziados, que quando detectam "olha ali um Ferrari" já é demasiado tarde porque já passaram, e não há tempo para as razias e azeites.

    E os camionistas eles próprios, quando topam esta situação, sabem o porquê de estarmos a fazer isso ao resguardo do camião; uma vez um quando parou ao meu lado nas portagens até sorriu e fez um "fixe" com a mão.
     
  27. AlfistaPortoghese

    AlfistaPortoghese Moderator
    Lifetime Rossa

    Mar 18, 2014
    3,777
    Europe, but not by much.
    Full Name:
    Nuno
    Caro Rui,

    Amanhã irei visitar o Mondial mais uma vez para ver o andamento da revisão, mas também gostaria imenso de poder estar presente. Desde que me inscrevi no Clube, o evento de Reguengos sempre foi o que mais me despertou atenção. Extremamente bem concebido e com actividades versáteis para acomodarem a maior variedade de gostos possível, tal como os demais eventos. Mas talvez por já não fazer um passeio digno desse nome ao Alentejo há anos, e também por estar a precisar de umas mini-mini férias, apelou-me muito. Estou esperançoso!

    Em relação ao óleo da caixa, em termos de aparência, o óleo em si parecia perfeitamente normal e nada pastoso. Estava era pejado de impurezas (pequenos fragmentos de metal, quase parecia uma sopa de letras!). A caixa foi limpa e atestada de Redline (que, apesar do nome, afinal é azul!). Nunca tinha visto um óleo com tantas impurezas, não seria normal nem numa caixa nova em nenhuma circunstância. Ficámos ambos admirados, eu e a pessoa a quem entreguei o Mondial. Felizmente não é coisa que se veja todos os dias.

    Obrigado pelo conselho, Rui. Pela sua simpatia, disponibilidade e conhecimento profundo, pode e deve ensinar qualquer proprietário sem dúvida, ainda para mais um como eu, que mais inexperiente é difícil e qualquer apoio, por mais simples que possa parecer, transforma-se numa ajuda valiosa e sempre a levar em linha de conta. Especialmente no que ao ABS diz respeito, irei tentar ver juntamente com a pessoa que me está a intervencionar o Mondial, se conseguimos detectar o código de erro em questão.

    Já que o Mondial lá está, duas coisas:

    - Velas novas (indicaram-me que as actuais já devem ter percorrido cerca de 20.000km - é muito, especialmente porque estes carros tipicamente não percorrem grandes distâncias anualmente).

    - Pedi que fossem verificadas a correia de distribuição (mudada em 2013) e os rolamentos, apenas por precaução. Estão 100%.

    - Ligações da bomba de água também deverão ser investigadas. Apesar de não existir perda de fluidos nem sobreaquecimento, um tubo não parece estar em forma. Se é uma questão de tempo até dar dores de cabeça, então mais vale tratar logo do que recorrer mais tarde à assistência em viagem.

    Moral da história:

    Apesar de existir um registo detalhado das intervenções levadas a cabo no veículo desde 2008 na marca, isso não é necessariamente um atestado de COMO o trabalho foi feito. Apenas que foi feito. Felizmente o Mondial, mesmo antes destes "mimos", estava a funcionar sem qualquer problema mecânico, mas revelou-se imperativo posteriormente à compra trocar algum material preventivamente.

    Ainda ando às voltas com a capota. Nem com o manual à frente, nem assistindo a vídeos no Youtube, nem com ajuda da minha namorada, nem com ajuda da pessoa que amavelmente me recebeu o Mondial e que já perdeu carradas de tempo comigo e com ele, não fazemos nada daquilo. Comprei um descapotável para andar com a capota para baixo, e nada! O anterior proprietário fez o procedimento em 30 segundos. Conclusão: bruxedo, só pode!

    Caro Pedro,

    Muito obrigado por partilhar comigo essa excelente ideia. Já aprendi mais consigo do que em muitos anos a ter automóveis! Ainda para mais, o que me relata é extremamente útil, tendo em conta que estamos a falar do Barreiro, um dos habitats naturais de pessoas que lidam muito mal com o sucesso anónimo, discreto e alheio. Temos que nos defender, de facto, e o low profile é a melhor prática. Já que por vezes pedir uma grama de bom senso a determinadas pessoas é pedir demais, então façamos nós a nossa parte.

    Um grande e reconhecido abraço a ambos,

    Nuno.
     
  28. pedro233

    pedro233 Formula Junior

    Revejo-me em si Nuno,

    Você sou eu à 5 anos atrás, entusiasta, com 28, a ir buscar um carro destes, vivendo cá no burgo de Lisboa, sítio onde aliás nasci e sempre vivi.

    As 1001 patifarias que já me fizeram à custa do carro e sobre as quais muito tive de pensar quais as maneiras de as ultrapassar, vou-lhe transmitindo, porque quero que continue a circular com o Ferrari, um pouco ao contrário de mim, que o fui substituindo pelo porsche, japoneses e assim.

    A verdade é que as pessoas ficam sempre um pouco: "não pode ser assim tão mau..estás a exagerar", mas elas não têm a nossa idade, não tem um Ferrari, e não vivem nem percorrem semanalmente as principais artérias de Lisboa com ele. Antes de você chegar ao Fchat eu era caso único aqui na capital. Pelo menos a partir de agora seremos 2 a contar as peripécias de conviver em pleno 2014, nos trinta, com um carrito destes por estas bandas..

    E não..não é nada fácil. Quem tira fotos e debate estatísticas e está do lado de lá, não faz puto de ideia do que é estar do lado do proprietário, e conviver com todo o circo e perigos que se despoletam minuto a minuto por essa estrada fora. abraço
     

Share This Page